«Descobri a fotografia e me descobri ao ir ao encontro dos outros.»

 

«O Brasil hoje me aceita, esquecendo que outrora fui argentina. Porque as fronteiras perdem o sentido na identificação. E é claro que eu não deixei de ser uma coisa para ser outra. Sou ambas e muito mais.»

O mundo é para ela uma aldeia, onde a diferença humana não é motivo para a exclusão, implicando, antes, o respeito. Pois, toda a humanidade se pauta invariavelmente pela vida e pela morte. Sendo que na vida e na morte há caminhos, que Yunes capta, seja na Índia, seja em Jerusalém. De permeio, fica a indefinição que cada qual experimenta. O que ela igualmente não deixa à margem, registando o belo e o feio, a esperança e a perda, a reunião e a separação irrevogável, o ato misericordioso e a crueldade ou a indiferença. Porque tudo isso existe no seu olhar amplo, maduro e humanista.

 

Nasce em 1970 em Santa Fé, na Argentina, de onde parte, com 10 anos, para Florianópolis, no Brasil, onde tem casa, para a qual retorna sempre ao fim das suas viagens, e onde se encontram os pais, as irmãs e toda uma família adquirida ao longo de anos. A sua condição de imigrante despertou nela o interesse pela diversidade étnica e cultural. Posteriormente, a interação com missionários católicos levou-a a fazer voluntariado em vários países, tendo morado, inclusive, um ano na Amazônia (Brasil) e dois anos na Guiné-Bissau (África). Foi precisamente o conflito armado de 1998, na África o precursor da sua carreira fotográfica. Os seus primeiros ensaios nesta área com crianças  de rua, em situação de vulnerabilidade social, aliados à experiência marcante da Guiné-Bissau, definiram a sua linha de atuação como fotógrafa. Transformou, deste modo, a fotografia num instrumento de reflexão, comunicação e denúncia.

 

Possui, hoje, experiência ampla como fotógrafa documentarista, tendo colaborado com diversas instituições e ONGs: UNICEF, CARITAS, MUNDO & MISSÃO, dentre outras, em diferentes países, num total de 46, alguns dos quais não somente visitou, tendo morado. Organizou várias exposições nacionais e internacionais. Premiada no Brasil, na Argentina, na Colômbia e em Cuba, no âmbito da fotografia e de projetos culturais.

 

A sua formação acadêmica começa na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), onde se graduou em Farmácia e obteve o título de Mestre em Ciência dos Alimentos. Pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) licenciou-se em Educação Artística e doutorou-se em Artes Visuais. Neste último estabelecimento superior lecciona fotografia. 

 

De forma paralela à fotografia e ao ensino, é autora dos livros: “Cartas entre Marias: Uma viagem à Guiné-Bissau” e “Dona Fulana morreu e levou consigo tudo o que aprendeu? Contos e fotografias das benzedeiras e benzedores da Ilha de Santa Catarina”. Em sua tese de doutoramento refletiu as memórias e a história dos sobreviventes da guerra civil da Guiné-Bissau de (1998).

 

Desenvolve atualmente pesquisas nas áreas de arte, fotografia, produção audiovisual, cultura africana e afro-brasileira.

 

Compreende a fotografia como agente de aproximação entre pessoas, concepções do mundo, culturas e detector de fronteiras. Acredita na arte comprometida e humanista, cujo poder se torna fundamental para sensibilizar, levar à reflexão crítica, educar, aprimorar, engajar os indivíduos nas lutas sociais, transformando  vidas, olhares e, também, corações.

Claudia Santos

(Mestre em Literatura (UL) -Lisboa

IMG_23182.jpg

ONDE NASCI ONDE MORO

1970: nasce em Santa Fé, Argentina

1980 - atual:  muda para Florianópolis, Brasil

 

FORMAÇÃO

2013 – 2017: Doutorado em Artes Visuais - Processos Artísticos Contemporâneos -Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Florianópolis, Brasil. 

 

2015 – 2016: Doutorado Sanduíche no Exterior
 - Universidade de Lisboa (UL). Lisboa, Portugal. 

 

1995 – 1998: Mestrado em Ciências dos Alimentos - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Florianópolis, Brasil. 

 

1987 –1992: Licenciatura em Educação Artística – Habilitação Artes Plásticas. Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). 

 

1987 – 1991: Graduação em Farmácia Tecnologia de Alimentos - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).  Florianópolis, Brasil. 

 

ATUAÇÃO PROFISSIONAL

 

2018 - atual: Professora Colaboradora de Fotografia na UDESC, Florianópolis, SC

2008 -2012. Professora Colaboradora - Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC. Disciplinas ministradas: Linguagem Fotográfica I, II e III

 

2002 - 2008 : Professora - Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC - Disciplinas ministradas: Linguagem Fotográfica na Arquitetura, Fotografia, Fotografia e Pesquisa, Fotografia Publicitária, Orientação de TCC, Processo fotográfico I e II

 

2000 - 2002 :  Professora Substituta -  Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC - Disciplinas ministradas: Orientação de TCC, Estágio supervisionado, Farmacognosia

 

1999: Logística e Fotógrafa de CARITAS, Guiné-Bissau.  

 

1999: Fotógrafa da UNICEF - Nações Unidas- ONU, Guiné-Bissau.